Blog Cisco Brasil
Compartilhe

Cisco Live Cancún 2018 – uma visão cheia de otimismo sobre as possibilidades do mundo da tecnologia


4 de December de 2018


Em Cancun, onde o sol brilha e as cores do mar são infinitas, a inovação e a inspiração crescem graças aos mais de 6.000 profissionais e especialistas em TI, que se reuniram esta semana para aprender e imaginar como reinventar suas organizações para por meio da tecnologia. Uma tecnologia que transforma, conecta, prevê e habilita. Uma tecnologia mais robusta, acessível, flexível e madura; uma tecnologia que na Cisco chamamos de intuitiva.

O primeiro dia do Cisco Live Cancun começou com diversas opções de agenda nos Summits de Verticais, que já se tornou a introdução de um grande evento.

Na primeira edição do Summit de Cibersegurança, ficou claro que a segurança cibernética é uma questão que preocupa a todos. Nenhuma empresa, independentemente do seu tamanho, está isenta de ser atacada. Ghassan Dreibi, líder da arquitetura de segurança na América Latina, comentou como a fraqueza da segurança cibernética está se tornando uma doença silenciosa que ameaça milhares de organizações diariamente. E é por isso que o papel dos responsáveis ​​pela segurança em uma empresa está se transformando para serem orquestradores de soluções, pois é necessário proteger organizações em um universo em que nos deparamos com “ninguém sabe de nada” em coisas que nem sequer sabemos que não sabemos .

O Summit de Educação reuniu os CIOs da Universidad de los Andes na Colômbia, o ITESO no México e a Universidade Católica de Campinas do Brasil, que tiveram um interessante debate sobre os desafios que o ensino superior na América Latina enfrenta e como a tecnologia está ajudando a desenvolver uma oferta educacional de vanguarda que lhes permita formar profissionais a serviço de uma sociedade inserida em um ambiente digitalizado.

Enquanto isso, no Summit de Serviços Financeiros, três instituições de grande relevância, a BAC Credomatic, um dos principais bancos da América Central, a Compañía de Seguros do Norte da Argentina e a Serasa Experian, uma empresa brasileira de pesquisa de crédito, compartilharam sua experiência de transformação digital, Na qual temos uma audiência, em que os clientes são cada vez mais exigentes e tornou-se indispensável adotar novos modelos de negócios que ofereçam experiências inovadoras, ágeis e seguras nesta era digital.

Mais de 150 pessoas se reuniram no Summit de Indústrias, onde o conceito da Indústria 4.0 foi amplamente discutido através de demonstrações de colaboração, segurança e conectividade industrial. Bem como a plataforma Kinetic, que mostrou todo o poder que existe nos dados dos bilhões de dispositivos conectados à rede e graças à automação e à análise avançada, podem ser convertidos em informações inteligentes que facilitam e aceleram a tomada de decisões.

O Summit de Governo foi particularmente interessante, considerando que na América Latina, vários países estão iniciando um novo ciclo de governo. A tecnologia é definitivamente uma ferramenta fundamental para que esses governos ofereçam serviços eficientes, inclusivos e transparentes que gerem uma experiência melhor para os cidadãos. Participantes do painel do CUDI, do ITESM e do Observatel fizeram algumas recomendações a esses novos governos, que partiram do essencial como ser humilde, estar aberto para ouvir, aprender e não esquecer a ética, para temas mais específicos, como considerar os jovens empreendedores. , não rejeite o setor privado e não planeje ao contrário.

À tarde, o Summit de Saúde contou com a participação de importantes painelistas, entre eles o Instituto Nacional de Neurologia do México, o Hospital da Universidade Católica de Campinas no Brasil e a empresa Optum Saúde e Serviços Tecnológicos do Brasil, que compartilharam sua experiência em projetos de transformação digital e sobre os desafios e oportunidades que eles vêem no futuro da assistência médica.

O dia não poderia ter tido um melhor fechamento do que a palestra de Karen Walker, CMO da Cisco. Karen comentou que, até 2022, espera-se um aumento de 40% no número de dispositivos conectados à rede na América Latina. Esta é uma mensagem esperançosa, considerando que, onde as conexões crescem, possibilidades e oportunidades se multiplicam também. Oportunidades para transformar a vida das pessoas, combater a fome e a pobreza, oferecer uma educação melhor, serviços de saúde mais humanos e, em geral, construir pontes para tudo o que somos capazes de imaginar.


John Stewart, vice-presidente sênior de segurança e confiabilidade da Cisco, fechou com mestria a palestra com uma mensagem sobre segurança cibernética e como ela é fundamental no ambiente atual, no qual as ameaças são cada vez mais sofisticadas e onde as tendências mais importantes, como nuvem, IoT e BYOD, podem gerar grandes violações de segurança.

Amanhã, temos uma agenda enriquecedora com seminários técnicos, gerenciamento de TI e dezenas de sessões em torno de nossas diferentes arquiteturas para as necessidades e interesses de todos os participantes. E, claro, a visita obrigatória ao WoS – World of Solutions, para experimentar em primeira mão a maneira pela qual a Cisco e seus parceiros estão inovando e criando mais conexões e oportunidades nesse mundo digital.
Esperamos vocês!

Tags:
Deixe seu comentário