Blog Cisco Brasil
Compartilhe

Seis recomendações para impulsionar a digitalização da sua empresa


15 de January de 2019


É cada vez mais frequente encontrarmos donos ou diretores de empresas em crescimento que já têm consciência dos benefícios que a digitalização oferece. Entretanto, todos reconhecem que se concentrar na implementação de novas tecnologias acaba sendo um grande desafio:
é necessário manter a infraestrutura existente estável e em funcionamento e, na maioria das vezes, não é possível contar com a ajuda de especialistas para atingir esses objetivos.

Veja a seguir seis recomendações para ajudar você a começar sua jornada de transformação digital de forma simples.

  1. Lembre-se de que é você quem está à frente de tudo
    A liderança é fundamental em momentos de transformação e mudança. Você precisa ser a primeira pessoa a se comprometer com o processo de mudança que está se iniciando na sua empresa, porque seus funcionários vão ter você como o modelo a ser seguido e como ponto de referência para qualquer decisão ou ação a ser tomada. Não se dê ao luxo de improvisar, leia e se informe sobre tudo o que puder para oferecer segurança, e traga ideias para incentivar que outras pessoas façam o mesmo.
    .
  2. Identifique as defasagens da sua empresa com relação ao universo digital e comece pelo que for mais fácil
    É altamente recomendável que você esteja atento àquilo que outros líderes do seu setor estão fazendo. Lembre-se de que a digitalização é a base da sobrevivência no cenário atual, por isso, não permita que a concorrência o deixe para trás. Mas não tente fazer tudo ao mesmo tempo, é inviável e pouco prático. Comece identificando as áreas ou os processos comerciais onde é possível realizar a digitalização de forma rápida e alcançar resultados no curto prazo. Esse é o melhor ponto para começar. E, depois de iniciar, dedique-se a reimaginar outras áreas do seu negócio operando de forma digital, como marketing e recursos humanos, entre outras. Repetir esse exercício vai lhe mostrar o caminho.
    .
  3. Pense na plataforma digital da sua empresa
    Pergunte-se o seguinte: se você fosse o fundador de uma nova empresa concorrente direta da sua atuamente e tivesse acesso aos investimentos necessários, o que faria para superá-lo e tomar parte do mercado? Certamente, tratando-se de um caso hipotético, sem a pressão e a problemática da vida real, você começaria planejando sua plataforma digital. Então não espere até que surja um concorrente que tenha seguido esse processo. Dedique tempo para planejar a plataforma digital da sua empresa e, ao fazê-lo, lembre-se de um aspecto muito importante: a segurança cibernética.
    .
  4. Melhore as competências da sua força de trabalho
    Os funcionários são seu maior ativo, além de serem uma fonte importante de ideias e de novas formas de imaginar seu negócio. Por isso, é importante desenvolver um plano de capacitação contínuo para eles, permitindo que compreendam melhor seus papeis e se sintam confortáveis tanto com suas novas funções quanto com as ferramentas que vão precisar usar no ambiente digital. Para dar um exemplo simples, os funcionários devem estar cientes de que são a primeira linha de defesa da empresa contra os ataques cibernéticos, por isso, saber detectar um e-mail ou link suspeito é essencial para evitar um ataque de ransomware.
    .
  5. Integre ferramentas de colaboração
    A forma com que seus funcionários trabalham e colaboram, tanto interna quanto externamente, é parte fundamental da transformação digital. Um alto percentual de funcionários na América Latina prefere trabalhar de forma remota. E esse percentual vem aumentando nos últimos anos, uma vez que um terço da força de trabalho passou a ser formada por millenials. Entretanto, só é possível oferecer um esquema de trabalho flexível quando se conta com as ferramentas adequadas para garantir conectividade e colaboração constantes e seguras. Pergunte-se se a sua área de TI está realmente capacitando seus funcionários para que sejam mais ágeis e produtivos, ou se está agindo como um gargalo para a produtividade e a colaboração.
    .
  6. Implemente e esqueça
    Seus funcionários estão ocupados fazendo o trabalho deles e você está ocupado administrando a empresa, por isso, considere soluções que podem ser implementadas facilmente e que possam operar logo e de forma ininterrupta, sem necessidade de manutenção. Uma alternativa interessante são as soluções gerenciadas na nuvem. Elas permitem operar sem ter uma equipe de TI dedicada ou especializada. Além disso, seus funcionários estarão sempre protegidos, tanto trabalhando no escritório quanto de casa. Se as políticas ou necessidades da sua empresa tornam a nuvem uma alternativa inviável, procure soluções gerenciadas no local que sejam igualmente fáceis de implementar e gerenciar, e que fiquem em segundo plano para permitir que você se concentre no crescimento da sua empresa.

A digitalização é uma jornada, não um destino, portanto, não se deixe abater ou desanimar. Ela vai ser um dos melhores investimentos que você já fez para ter um lugar privilegiado em um cenário tão competitivo e volátil como o atual.

Tags:
Deixe seu comentário